Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Direitos e deveres...

por Tomates e Grelos, em 26.03.15

Não, não é nenhuma revista da Deco, nem tão pouco um portal de consulta do cidadão em geral. É um assunto sério, caso de polícia. Ou talvez não! Talvez seja apenas um caso de demência, onde a doença seja incurável, excepto por uma bala na cabeça! Sim, eu sei que a este ponto nada está a fazer sentido mas, lá chegaremos, meus amigos, lá chegaremos. Tudo começa com os Americanos, talvez o único povo de um regime democrático, capaz de produzir idiotices do tamanho do mundo. A notícia começa com o seguinte título: Advogado quer legalizar morte de gays e lésbicas na Califórnia. WTF?!?! Eu sei, eu sei, é revoltante mas, vejam bem o desenvolvimento da coisa: A sodomia é um “crime abominável contra a natureza” e um “mal monstruoso”. Logo no início, entranha-se a falta de liberdade em escolher ser sodomizado, se assim me apetecer, embora a esta altura, este "senhor" fale da sodomia em geral. Segue-se o resumo da proposta: (de lei) apresentada por um advogado na Califórnia que quer legalizar a morte de gays e lésbicas com uma bala na cabeça e condenar ao pagamento de uma coima de um milhão de dólares quem apoiar os direitos dos homossexuais. Nem me vou dignar a comentar, simplesmente não é merecedor. A esta altura, o interesse na notícia é meramente mórbido, mas continuei: "qualquer pessoa que voluntariamente toque noutra pessoa do mesmo sexo para fins de gratificação sexual deve ser morto com balas na cabeça ou por qualquer outro método conveniente". Portanto, uma mulher ir ao cu de um homem, é sexo aceitável, se for um homem, deve ser morto! A pérola seguinte, "reza" da seguinte maneira: Aos que divulguem directa ou indirectamente “propaganda sodomítica” junto de menores de 18 anos, deve ser aplicada uma coima de um milhão de dólares e/ou serem sujeitos a uma pena de prisão até dez anos, ou ainda ser expulso permanentemente do estado da Califórnia. Quer dizer que agora já não tem de ser do mesmo sexo? Sodomia é sodomia? Estou confuso. Já agora, propaganda sexual a menores de 18 anos é legalmente aceitável, sodomia é que não? Alguém me esclarece? Ao que parece, o autor da proposta, que não merece ser referenciado neste blog, acredita que: “melhor que os infractores morram do que todos nós sermos mortos pela justa ira de Deus”. Então o "senhor" está a com medo da ira de Deus, se não agir contra a sodomia mas, já não tem medo de retirar uma vida humana? Deve ser um Deus novo, o dele. Talvez um Deus à sua imagem, em vez do inverso. Tudo o resto é política Americana, com os seus insondáveis mistérios, de onde convém salientar que o dito apenas precisa de 200$ e 365 mil assinaturas para levar a proposta a votação. Acham isto normal, num país de 309 milhões de habitantes?!?!?! É 0,1%!!! 0,1!!!!

Bem, passado o choque de tal atrocidade, baboseira, ignorância, etc, etc, etc, surge outra notícia, igualmente...rara: Estudo indica que alguns médicos ainda consideram a homossexualidade uma doença. Ora, eu nem fico admirado, depois de ver advogados a apresentar leis como a aqui discutida mas, são, supostamente, homens da ciência, caramba. Até fico sem vontade de escrever, a sério que fico. Pelo menos fiquei a saber que apenas em 1972 é que a homossexualidade foi retirada da lista de doenças mentais...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:20


Eco-sexo...

por Tomates e Grelos, em 12.01.15

Tomar banho a dois, vibradores a energia solar ou brinquedos eróticos sem PVC. Ideias que não convencem sexólogos

Os retiros sexuais, o "sexo ecológico" e a utilização de emoticons eróticos nas mensagens são algumas das tendências sexuais para 2015. Ao que parece, segundo um artigo publicado recentemente no El País Brasil, o futuro passa, ainda, pelo heart hunting sentimental (recrutamento de parceiros estáveis) e por encontros não focados na penetração. Para a sexóloga Marta Craw-ford, só esta última faz algum sentido, mas a grande tendência para o futuro deveria ser "os casais viverem em intimidade de forma genuína, dizendo o que gostam e o que não gostam, sem terem medo que o outro vá embora".

Chamam-lhe "eco sex". A tendência de tornar o sexo mais ecológico rege-se por alguns princípios como tomar banho a dois para economizar água e apagar as luzes ou usar velas. Mas há muito mais para quem quiser tornar a sua vida sexual mais verde: vibradores a energia solar ou brinquedos eróticos sem PVC. Em Berlim, na Alemanha, já há, inclusive, uma sex shop ecológica - Other Nature - que, além de lubrificantes ecológicos, vende, por exemplo, chicotes feitos de pneus de bicicletas, ao invés do couro.

 
in DN
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:02


Mais sobre mim



Homem que gosta da vida, de prazer, de sexo, de conversar, de partilhar.


Se deseja entrar em contacto com o autor, pode fazê-lo através do endereço: tomatesegrelos@sapo.pt.


ver perfil

seguir perfil


Copyright

© Tomates e Grelos and tomatesegrelos.blogs.sapo.pt, 2012 to 2014. Unauthorized use and/or duplication of this material without express and written permission from this blog’s author and/or owner is strictly prohibited. Excerpts and links may be used, provided that full and clear credit is given to Tomates e Grelos and tomatesegrelos.blogs.sapo.pt with appropriate and specific direction to the original content.

calendário

Janeiro 2017

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Tomates & Grelos Online




Posts mais comentados