Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Escravas...

por Tomates e Grelos, em 11.09.13

Quando digo a alguém que já tive escravas, vêm logo com ideias criadas nas suas mentes pelo sucesso de "50 Shades of Grey". Apesar de, amavelmente já mo terem descrito e resumido, nada têm em comum.

 

Uma escrava minha é, ao contrário do que se poderia esperar, a maior beneficiária da relação. Porquê? Porque, o meu objectivo enquanto mestre é levá-la ao limite do seu prazer, fazendo-a ultrapassar barreiras e limites que julgaria impensáveis, sempre em prol do seu prazer. É uma posição altruísta, a minha? Não. Claro que também retiro prazer das tarefas que lhe atribuo mas, no final, quem evoluiu mais? O que descobriu algo novo ou quem levou alguém a isso?

 

Cada vez que possuo uma escrava (foram apenas duas), há um processo de descoberta das vontades, dos desejos e das motivações. Não faz sentido encetar uma relação deste tipo pelas razões que costumo chamar de "erradas". É necessário cumplicidade e confiança para que se avance no nível das tarefas e, ao contrário do que muitos possam pensar, não é necessário haver sexo ou contacto físico. No entanto, é absolutamente essencial provocar prazer a cada tarefa, prazer pela descoberta, prazer pela loucura, prazer pelo limite ter sido esticado.

 

Uma escrava pode, comigo, negar-se a cumprir uma tarefa, seja por estar impossibilitada, seja por não ser capaz. Cada recusa tem a sua consequência que, encontra o seu expoente máximo no término da relação nos termos em que foi acordada.

 

Opto por não ilustrar este post, pois qualquer imagem de "escravidão" estaria sempre relacionada com SM, algo que, podendo fazer parte das tarefas a cumprir, é demasiado redutor para o tema em discussão.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:53


Mais sobre mim



Homem que gosta da vida, de prazer, de sexo, de conversar, de partilhar.


Se deseja entrar em contacto com o autor, pode fazê-lo através do endereço: tomatesegrelos@sapo.pt.


ver perfil

seguir perfil


Copyright

© Tomates e Grelos and tomatesegrelos.blogs.sapo.pt, 2012 to 2014. Unauthorized use and/or duplication of this material without express and written permission from this blog’s author and/or owner is strictly prohibited. Excerpts and links may be used, provided that full and clear credit is given to Tomates e Grelos and tomatesegrelos.blogs.sapo.pt with appropriate and specific direction to the original content.

calendário

Janeiro 2017

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Tomates & Grelos Online



Posts recentes


Posts mais comentados