Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Dicas para ela...

por Tomates e Grelos, em 10.06.14

Pois é meninas, cá está de novo o amigo tomatinhos, para vos trazer as melhores dicas sobre sexo oral (viram como fui gentil?). Fui compilando coisas que fui escrevendo e acrescentei algumas novas. Não importa quem está a fazer a quem, o objetivo é torná-lo tão cheio de prazer quanto possível.

 

Gaja, pede-lhe para apagar a luz. A sensação de não veres quem está a lamber-te, pode ajudar-te a relaxar e permite a imaginação voar.

Gaja, mete a ponta da língua no céu da boca e chupa-o por debaixo da língua...dá ideia que "tocou no fundo" e não te engasgas.

Gaja, nada como uma boa surpresa. Arranjem forma de saber a que horas o respectivo chega a casa e toca a chupar e lamber...ou então ao acordar.

Gaja, as bolas estão lá para alguma coisa. Porque não afagar o mastro com a mão e sugar gentilmente uma bola ou duas?

Gaja, queres brilhar? O meato é o local. O meato é a abertura na glande. Aplica pressão ligeira com a ponta da língua e vejam-no revirar os olhos.

Gaja, há poucas coisas mais excitantes que o entusiasmo no acto. Mostrem que gostam, caso contrário, não sabe igual. O prazer deve ser mútuo.

Gaja, desce a língua desde a ponta até à base, onde se encontra com os testículos. Aí, chupa o mastro, mesmo na junção. Há imensas terminações nervosas.

Gaja, o 69 não é uma posição, são várias. Uma das minhas preferidas, é de lado. A cabeça apoia na coxa e as mãos ficam livres para as mais variadas carícias.

Gaja, nós gostamos de lamber, mas tens de estar fresquinha, OK?

Gaja, ainda que não seja necessário uma depilação brasileira, nada como ter tudo aparadinho, ok? Nós retribuímos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:17


22 comentários

De meninaquenaosabenada a 30.06.2014 às 14:34

Eu acho que fazer surpresas é sempre bom e agradável. Contudo,há dias em que não vale a pena surpreender porque simplesmente não nos apetece,é a minha opinião,espero que tu tenhas um lindo e maravilhoso mês de Julho!! Fica com deus e um grande beijinho!!

De Tomates e Grelos a 30.06.2014 às 16:20

Eu acho que vale sempre a pena...mas para mim são raros os dias em que não me apetece Image

De Abby Russell a 30.06.2014 às 21:00


Tu falas como se fosses um expert na matéria, alguém que já viu muitas mulheres a rolar-lhe pelas mãos (e afins)... Apresentas-te como experiente, maduro, vivido e generoso ao ponto de gostares de partilhar os teus conhecimentos com os menos talentosos/experientes/perspicazes/estudiosos e ajudar as meninas que têm memória curta e se esqueceram que, algures no tempo, tu já disseste a premissa base para qualquer foda contigo "Vocês abrem as pernas e conquistam o mundo (ou a mim)"...  No fundo, tu és um gajo bastante simples e fácil de agradar, Tomatinhos, mas a simplicidade não enche posts nem arranca aplausos, I know...


Parece-me é que, no meio de todas as mulheres que te passaram pelas mãos na vida real e das que juntam as mãos e te batem palmas na vida virtual, raramente te deves ter deparado com mulheres que não te acham o king, que vêm buracos nas tuas teorias, remando contra a maré de quem acha este teus ensinamentos repletos de sabedoria e experiência de vida... Gostas de foder e de ser fodido fisicamente mas não estás habituado a que te fodam a cabeça, não no sentido de te chatearem mas no sentido de te darem luta... E não digo luta no sentido de serem hard to get, difíceis de seduzir e levar para a cama, nem tão pouco luta no sentido de trocarem uns comentários  de teor sexual que te dão pica... Luta no sentido de tu achares que estás mesmo lá, que brilhaste e estiveste em grande e a gaja, num segundo, mostra-te mil e uma coisas que tu não tinhas visto, não tinhas pensado, não tinhas percebido e fode-te a cabeça porque percebes que só tens dois caminhos: evoluir ou desistir... E ela fica a olhar para ti com um sorriso nos lábios e diz "Desculpa eu! Não tenho culpa de ser assim tão boa" e tu pensas "Ei, isso sou eu que costumo dizer. Não quero brincar mais contigo"...

Eu podia comentar o teu post segundo a tua filosofia "gajo, gosto muito de ti mas aprende, sim?" ou, na minha linguagem, "Pera aí Tomatinhos, isso não faz muito sentido"... Mas não o faço, deixo apenas a ideia no ar... Quem sabe se o Tomatinhos não a apanha e descobre as 7 diferenças entre a visão dele e a das gajas com dom para foder a cabeça dos gajos... Viste como fui gentil?

De Tomates e Grelos a 01.07.2014 às 12:19

Querido(a) incógnito(a) Abby Russell, informo-te desde já que estás em excelente posição para vencer o prémio de Post do Ano nas categorias de Post Mais Longo, Post Sarcástico, Post Divertido e Post Provocador. Para facilidade de escrita irei, daqui em diante, referir-me à tua pessoa, no feminino.

Vou começar como qualquer temente das capacidades de outrem, traiçoeiramente desculpando-me por eventualmente ser mais directo e objectivo nos meus objectivos do que a minha querida.

Registo os elogios que me tece e retribuo agradecendo a qualidade das palavras que me dirige: Obrigado! Apreciei sobretudo a subtileza com que foi pairando subtilmente por estas bandas, não sei se como abutre ou milhafre.

A sua percepção sobre a minha pessoa é sua e de mais ninguém. Não posso ser responsabilizado pela imagem que faz de mim. Apenas escrevo sobre aquilo que (acho que) sei, tudo o resto, serão ilações que dependem de quem me lê. Para sermos precisos, eu apresento-me explicitamente como "
Homem, que gosta da vida. De prazer. De sexo. De conversar. De partilhar.". Talvez alguma imagem a tenha distraído de tais palavras, o que não é de todo aceitável para alguém com a sua perspicácia.

Mas deixemo-nos de formalismos.

É completamente falso que tenha afirmado que a premissa base para qualquer foda comigo seja "
Vocês abrem as pernas e conquistam o mundo". Se leres esse post com atenção, vais ver que isso se refere ao vosso poder. Poder esse, estupidamente oferecido por nós. Se continuares a tua leitura por estas páginas, vais ver que não poderias estar mais longe da verdade e talvez refines a tua perspicácia. No entanto, sou simples e fácil de agradar, disso não tenhas dúvida.

Sabes que é impossível ser um bom king sem saber o que significa não sê-lo. Não tenho sangue azul, o que faz com que tenha de ter conquistado o trono a pulso. Infelizmente, o que mais há neste mundo são homens, mulheres e afins, que me fodem a cabeça mas, no sentido de me chatearem. Quanto aos buracos e remadas, sou poucas...cabem numa mão...ainda não descobri se, por falta de capacidade das outras ou se as teorias estarem mesmo certas mas, descobri-lo faz parte desta caminhada. Não caias é no erro de achar que é preciso "combater-me" para me levar ao céu. É mais simples que isso, embora não tão simples quanto possas pensar. Isto tudo para dizer que gosto de mulheres alfa, e adoro pensar "Não esperava que fosses tão boa", sendo a consequência natural: "Quero mais!! Muito mais!!!", até evoluir e partir para outra, porque aqui não aprendo mais nada.

Sabes que o "eu podia" é a arma de quem não faz..."eu podia fazer"..."eu podia dizer". Aprecio mais os "eu faço" e os "eu digo". Porque não te enches de coragem e, em vez de prometer, me indicas onde descobrir as aclamadas 7 diferenças?...devem estar no blog de alguma gaja com dom para foder a cabeça dos gajos.

Pode não parecer mas, fui carinhoso Image

De Abby Russell a 01.07.2014 às 13:48

Por norma, eu não entraria nesta brincadeira do querida incógnita, ainda que reconheça que é precisamente isso que eu sou para 99,9% das pessoas que eu conheço e, pensando melhor, gostei, dava um belo nickname para mim... Agora até me fizeste sorrir com essa ideia de me assumir como "querida incógnita"... Mas vou responder porque gostei da tua resposta... Foi tudo aquilo que apostaste ao meu comentário mas substituo o "divertido" por "inteligente" e não fazes ideia de como a inteligência nas outras pessoas é um dos meus pontos fracos... Durante cerca de dois anos, tive uma paixão/amor tremendos por um gajo que era alto filho da puta, a única coisa que tinha em comum comigo era o gosto musical mas pronto, a inteligência deu-me a volta à cabeça por completo... Mesmo a um nível sexual... Há pessoas muito estranhas, eu sou uma delas... Deve haver algum fetish que defina pessoas como eu e ele...
Anyway, gostei da inteligência e também estou entediada de morte, à espera do gajo da NOS que nunca mais chega e, quando tal até chega a meio deste comentário...

Dizes que registas os elogios que te fiz mas eu não fiz nenhum elogio, nem crítica... Se prestares bem atenção, verás que o que eu disse vai de encontro ao que tu disseste... "A sua percepção sobre a minha pessoa é sua e de mais ninguém. Não posso ser responsabilizado pela imagem que faz de mim. Apenas escrevo sobre aquilo que (acho que) sei, tudo o resto, serão ilações que dependem de quem me lê"... Em momento algum eu disse que tu eras alguma coisa (para além do simples e fácil de agradar que tu mesmo confirmas e, dependendo da perspectiva e do contexto, pode ser defeito ou qualidade)... Eu disse que te apresentas, não disse que és, porque eu tenho bem a noção que um blog deste tipo não vive apenas da pessoa que és, também vive do lado de ti que atribuíste ao Tomatinhos, do mesmo modo que sei que escrever falar de sexo como fazes, é algo criativo e imaginativo, não significa que tudo o que dizes tenha acontecido, podem ser fantasias... Provavelmente, encaraste o "apresentaste" como algo que fazes deliberadamente mas a minha ideia era tão somente dizer que é a imagem que passa através do tom que usas em posts como este... E claro, passa para mim, daí eu comentar algo que não vai na mesma linha dos outros comentários... E eu sou uma gaja que está quase sempre nas minorias, logo eu não gostar de algo é sinal que 99% das mulheres gostará, logo não te preocupes muito com as minhas opiniões pessoais :D

King, sangue azul?
No meu mundo, ser king não passa por ter sangue azul mas também não passa por nada de sexual, confesso... Acho o sexo a coisa mais fácil do mundo, basta-me pôr um pé fora de casa e consigo isso... Aliás, até me basta ir tocar ao meu vizinho de cima que tem um fraquinho por mim desde a adolescência... Aliás, basta-me escrever um email e dizer "Vens cá amanhã" e está feito... É demasiado fácil, logo nada que me faça achar alguém um king por causa disso... Mas acharia mais facilmente por causa disso do que por causa de sangue azul... Não é por aí... E eu não te achar king, não significa que não o sejas, significa apenas não o seres para mim e repito, sou a gaja das minorias :)

Não caias tu no erro de achar que eu combato algum gajo para o levar ao céu! Combato porque é a minha maneira de ser...

Eu não preciso de coragem, se não disse foi para não parecer que cá vim numa de destruir o que dizes...
Fazemos assim, eu digo se tu aceitares responder a uma pergunta com toda a sinceridade... Nada sobre ti ou sobre a tua vida pessoal, apenas sobre o que escreves aqui no blog... A perspicácia não passa de uma capacidade de perceber coisas, leva-nos longe e aproxima-nos da verdade mas nem sempre nos dá a verdade... Se me responderes, eu digo-te as diferenças que nem sei se são 7, era uma brincadeira com aqueles passatempos dos jornais :D Aceitas ou não?

E sim, foste querido... E inteligente, repito...

De Tomates e Grelos a 01.07.2014 às 17:37

Por norma, não brinco, mesmo quando estou a brincar. Não te sintas sozinha, ninguém conhece verdadeiramente ninguém. Todos temos um lado que quase ninguém conhece. Ou melhor, ninguém conhece todos os nossos lados mas, penso que tal é possível de acontecer.
Isso quer dizer que o teu primeiro comentário não foi inteligente (eu achei que sim) ou que a minha resposta não foi divertida? A inteligência nos outros não é o teu ponto fraco, é o ponto forte que reconhecemos nos outros... Mas...espera lá...a nível sexual, a inteligência não chega?... Se tivéssemos de escalar a coisa (e não estou a falar de peixe), este comentário deve-se 35% a teres gostado e uns 65% ao gajo da NOS, não?

Seria um ser muito pouco inteligente se não soubesse ler o que está escrito, mesmo que não esteja à vista de todos...
Claro que encarei o "apresentaste" como algo que faço deliberadamente...é isso que significa. Se não era o que querias dizer, e creio que não pois, eu percebi onde querias chegar, deverás ser a tua medir o que escreves, para saber se está à altura e em concordância com o que pensas. Eu preocupo-me tanto com o a tua opinião pessoal como com a de todas as outras pessoas. A diferença entre mim e muitos outros homens é a tenacidade de atingir a perfeição em tudo, algo que 99% das mulheres (e homens) considerarão arrogância!

Infelizmente, neste mundo real, ser King implica ter sangue azul, algo que abomino profundamente. No sentido figurado do termo, todos podemos ser reis., seja das farturas, seja do sexo. Não me vejo como rei pois, a ambição também nos permite ser humildes, ao contrário do que muitos pensam. Voltando à tua teoria, ela só confirma o que eu disse. Vocês têm o poder. Congratulo-me por ter atingido um nível semelhante mas, tenho a certeza que nunca ganharei essa batalha, quando travada com as mulheres em geral.

Não caias tu no erro de achar que me gladio com uma mulher para ver se ela me leva ao céu. Gladio-me, quando muito, para ver se ela tem inteligência para o tentar.

Gosto dessa presunção que continua no mundo do "eu podia". Se achas que tens argumentos, esgrime-os. Este espaço é livre por essa mesma razão. Qualquer um pode vir aqui dizer que não concorda. Mais difícil é vir alguém dizer porquê e aceitar ser confrontado com opiniões divergentes.
Eu respondo sempre com sinceridade, por uma razão muito simples: se não quiser fazê-lo com sinceridade, não respondo. Chuta! (termos futebolísticos estão na ordem do dia durante todo o mundial)

Porra...e eu a pensar que tinha sido agressivo... :P

De Abby Russell a 01.07.2014 às 22:38


Quer dizer que todos os adjectivos que usaste para descrever o meu comentário - sarcástico, divertido e provocador - também se adequam ao teu, só que eu acrescentava inteligente (ao teu) e retirava o divertido. E não retiro o divertido por achar o comentário aborrecido, é apenas porque não me fez rir.

Tens a certeza que o que querias escrever era isto: "Mas...espera lá...a nível sexual, a inteligência não chega?..." É que parece que estás a dizer "Espera aí, estás a querer dizer que a inteligência a nível sexual não chega?" e eu não disse nada disso, tal como não disse o oposto. Antes de mais, que fique claro que eu não vejo inteligência como conhecimento de livros, cinema, pintura, política e coisas assim. Para mim, isso é cultura... Inteligência é algo mental, a nível dos raciocínios e maneira de pensar, agir e falar. Claro que a cultura também faz parte da inteligência mas eu aprecio mais o lado mental. E eu não estava a falar de inteligência durante o sexo em si mesmo. Uma pessoa inteligente não é necessariamente um bom amante. Eu estava a falar das coisas que fazem uma pessoa sentir-se atraída por outra, ter vontade de foder com ela. Por exemplo, ver a maneira como o Ibrahimovic responde aos jornalistas, dar-lhes grande baile com aquela atitude e aquela inteligência, tem o mesmo efeito em mim que me parece que 99% das gajas sentem quando vêm o Xabi Alonso a levantar a t-shirt. É uma cena sexual mesmo. E com pessoas normais, sinto o mesmo, não é por ele ser famoso. Como te disse, já me apaixonei e muito por alguém e esse alguém por mim por causa da inteligência um do outro. Mas claro que eu posso ter imensa vontade de foder com uma pessoa fruto da inteligência dela e depois, durante o acto, perceber que a cena não se dá.

Se tivessemos que escalar a coisa, tendo em conta que o gajo da NOS me desligou a internet enquanto cá esteve, pode-se dizer que foi 100% culpa dele porque, se ele tivesse chegado a meio do que eu estava a escrever, eu ia deixar o teu blog sem escrever nada e é altamente provável que eu encarasse isso como um sinal de que não devia responder. Eu funciono muito assim. No entanto, tendo em conta única e simplesmente o que me fez ter vontade de responder, os 100% são todos teus porque, para além de inteligente, o teu comentário surpreendeu-me. Não que não te achasse capaz de o escrever mas as coisas quando distantes no tempo tendem a ser esquecidas. E eu já não me lembrava de ver esse lado em ti.

Acredita que "apresentas-te" é a palavra certa e que não implicava que o fazes deliberadamente. Tu, quando escreves este tipo de post (e não só), tendes a adoptar um tom de brincadeira. A própria forma como te referes a ti mesmo como Tomatinhos, é humor, não é propriamente uma palavra que deixe as miúdas todas excitadas (digo eu, a gaja das minorias). O humor é uma constante no teu discurso, de uma forma que já faz parte de ti e podes escrever coisas que soam como o que eu disse sem que a intenção fosse essa porque, para ti, tudo é humor. Eu tendo a adoptar um discurso muito apaixonado e vincado e é uma coisa que me sai tão naturalmente como a ti te sai o humor... E, muitas vezes, o meu discurso soa a agressivo e a minha intenção não era essa, estava apenas a vincar a minha opinião. E, no entanto, aceito que de uma forma não deliberada (quando é não deliberada) eu me apresente de forma agressiva.



Essa do 99% das mulheres considerarão arrogância é como quem "tu disseste que estavas nas minorias" :D Eu disse quase sempre, não é sempre :D Mas eu não acho que tentar alcançar a perfeição em tudo seja arrogância. Nem entendo o que é que isso tenha a ver com arrogância.


Ora, é isso mesmo, não responder é sempre melhor do que mentir, até porque não tenho como te apontar uma faca ao pescoço e ameaçar-te de morte caso não respondas :D


Ahah, essa tua última frase como resposta à minha num blog sobre sexualidade. Olha a tua reputação, Tomatinhos :D

PS- Vou fazer o outro comentário separado desta conversa.

De Tomates e Grelos a 03.07.2014 às 11:49

O que é rir? Manifestar-se um riso sonoro? Eu rio-me tanto no cérebro. Não foi o caso?


Os psicólogos discordam de ti. É verdade que cultura e inteligência não são a mesma coisas mas, inteligência não é apenas raciocínio. Em termos "clínicos", um bom pintor é considerado uma pessoa inteligente. Percebo-te perfeitamente e partilho da mesma maleita! Fodo mais com o cérebro que com outra coisa...ou melhor, decido foder mais com o cérebro que com o resto do corpo.


Então e se tivessem passado 50 patos em V, migrando? Era sinal de quê? Como? Tenho sido pouco inteligente nos posts? Há quanto tempo me andas a "espiar"?


Não é óbvia a razão da escolha do nome?... Não te achei agressiva...se o fizeres, perceberás nas minhas respostas, a menos que me esteja a marimbar e nem sequer te ache interessante. Nesse caso, gozo contigo e não é à brasileira!!


Lá está...és uma minoria Image


Pois não...mas gostavas? E a pergunta? Não saiu?


Reputação?!?!?!


P.S. - Já foi respondido.

De Abby Russell a 03.07.2014 às 13:49

Eu também me rio imenso no cérebro mas, por acaso, não foi o caso... Daqui a nada começo a sentir-me mal por ter dito que o teu comentário não foi divertido...

Os psicólogos discordam de mim? :D Ora aí está uma grande verdade :D Olha, agora sim, ri-me no cérebro e fisicamente e às gargalhadas :D
Mas tem em conta que, a menos que eu refira o contrário, tudo o que eu digo é by default a minha opinião pessoal. Eu só não escrevo sempre "Para mim" ou "na minha opinião pessoal" porque dou demasiado valor à organização dos textos e estar sempre a repetir a mesma expressão é um erro primário...

Não sei mas pergunto-me que ligação terás tu com os senhores que vêm cá a casa... É que hoje foi o que veio contar a água que chegou pouco depois do teu comentário... Estava a dormir e ele tocou insistentemente e dizia que era o gajo da água e eu ignorei e tentei voltar a dormir porque os idiotas da escola de condução têm a chave do meu apartamento e era suposto abrirem-lhe a porta... Mas o gajo insistiu tanto que eu fui abrir a porta... E, claro, quando eu estou despenteada e com os olhos meio fechados e só com a merda de uma camisa é que me entra um homem de cabelo comprido pela porta dentro... Fiquei fodida, espalhou-me o sono...

Há muito mas não há tanto como tu em relação a mim :)

É óbvio no sentido de eu saber a que se refere "tomates e grelos" mas não é óbvio no porquê de teres escolhido esses termos e não outros, do tipo "Caralhos e ratas"... Pode ser humor mas, do que li aqui no blog, diria que pode fazer parte da tua teoria de como seduzir as gajas... Se optasses por algo mais hardcore, irias alienar algumas gajas que gostam do "viram como fui gentil?", assim chegas a todas... Não é óbvio, não...

Acredita que gostaria muito mais de poder ter uma faca encostada ao teu pescoço do que obrigar-te a responder-te... Não no sentido de te matar, só a sensação de ter uma faca encostada ao teu pescoço é fascinante em si mesma...
O responderes ou não responderes a coisas que implicassem eu ter uma faca para as extrair de ti, já se tornou cansativo...

Pois não, não saiu... Se calhar foram os patos a passar em V...

De Tomates e Grelos a 03.07.2014 às 16:44

Não precisas de chegar a tanto...mas sabes que incutir o sentimento de culpa também dá resultados Image


Eu também posso ser da opinião que a terra é quadrada e a noite é dia mas, isso não faz com que seja verdade. Registo com regozijo que te fiz rir!!


Não percebi se o problema foi estares só com camisa ou ele não ter feito nada ou estares a dormir ou ele não ser aproveitável... Quanto aos insondáveis mistérios da relação com os homens que te aparecem inesperadamente depois dos meus comentários, apenas posso dizer que não sou eu...ainda!


Queres lá ver que tu tens um blog e andas aqui sobre pseudónimo?...assim vou ter de começar a comparar o estilo de escrita com os blogs onde espreito...provavelmente para chegar à conclusão que não sei quem és (estou muito humilde).


Primeiro porque não queria que fosse agressivo. Depois porque queria que fosse popular. Além disso, devia ser elucidativo do teor do blog. Se isto fosse um blog sério, teria sido um de outros que estavam na calha. Cuidado, se continuas a elogiar-me ainda me fico a achar o king Image


Tu não me estragues os posts futuros, sff. Não é com facas mas tem lâminas cortantes e nada de bitaites a tentar adivinhar!!! Tu gostas é do poder...it takes one to know the other.
Cansativo? Alguma vez não te respondi?... Ou melhor, perguntaste alguma coisa?


De certeza que não foi o gato preto a atravessar a rua?

De Abby Russell a 03.07.2014 às 21:25

Lembraste de teres dito que, se não quisesses responder, não respondias, em vez de mentires? Lembraste de eu te ter dito que era preferível o silêncio a mentiras?

Pois então, eu fiz a minha parte... Evitar os assuntos é uma coisa, levar com respostas cuja intenção é tentar fazer-me de parva (parvoíce tua ainda não teres percebido que não ganhas nada com isso) é outra e eu já me cansei de te dizer que não tenho pachorra para isso! Ainda por cima, nem sequer foram respostas a perguntas! Foram coisas que podias não ter dito mas achaste por bem dizer, já está entranhado em ti...
Já na resposta anterior entraste por aí mas foi ao de leve e deixei passar porque podia ser eu a interpretar mal mas agora foste o teu típico tu quando se faz de parvo e tenta fazer-me de parva..

Não te vou responder mais e peço-te que não publiques este comentário a bem do bom astral do teu blog e porque eu, já há muito tempo, perdi a pachorra para aturar estas merdas e perder o meu tempo e o meu humor com elas...
Se publicares, problema teu, uma vez que é no teu blog que isto fica.

Como te disse, este tipo de conversa já se tornou cansativo... Demasiado cansativo...

De Tomates e Grelos a 03.07.2014 às 22:00

Minha querida, lembro-me perfeitamente do que escrevi e isso não invalida que te tente convencer a fazer a pergunta. Nunca te fiz de parva e nem percebo bem em que ponto as minhas respostas passaram de inteligentes a ofensivas mas, este é um espaço onde és livre de dizeres o que pensas e ainda bem que o fazes. Não me peças é para concordar com tudo o que dizes e espero que faças o mesmo. Eu respondi a todas as questões que colocaste e, se optei por alongar o meu comentário, foi porque considerei pertinente. Como já disseste, não vou andar sempre a escrever "é a minha opinião". Dá-me o mesmo se queres responder ou não, é para o lado para onde durmo melhor, como diz o povo. Não é por causa disso que deixarei de me pronunciar, até porque me sinto nesse direito, principalmente quando a tua resposta foi colocada neste formato. Em nada me envergonha a nossa conversa. Descansa miúda...descansa.

De Abby Russell a 03.07.2014 às 22:17

Uma mentira sem vergonha é tão mentira quando dita de forma ofensiva e insultuosa como quando é dita de forma querida...
Só para que saibas... Não resulta...

De Tomates e Grelos a 03.07.2014 às 22:20

Pormenor: Não te menti.
Vitimização, não gosto...gosto de inteligência e acidez. Nonsense, nem tanto.

De Abby Russell a 03.07.2014 às 22:31

Lembra-te do que aconteceu há um ano...
Tu seguiste a tua vida e eu mudei a minha com outra pessoa... Façamos o mesmo este ano... Círculo imperfeito, lembraste?

Salta do querido para os insultos, pouco importa... Pouco me importa do que é que tu gostas... E, se não gostas, abandona as cenas de cãezinhos e gatinhos e de tocares no meu nome e cenas assim...

Quando respondes estas coisas e sendo que sabes que não me dás a volta, eu penso que, para além de tudo o resto, ainda vives para as aparências... Aparências num blog no qual nem dizes quem és... Enfim, defende-te à vontade e ataca-me como sempre... Verbalmente, claro :)

Eu estou descansada... Bastante até, acredita...

De Tomates e Grelos a 03.07.2014 às 22:38

Lamento mas...não...não me lembro. Era suposto?

Insultos? Cãezinhos e gatinhos? Tocar no teu nome? Tens a certeza que era aqui que querias responder?...é que pareces deslocada.

Dar a volta? Com que propósito? Tu é que vieste comentar...tu é que poderás querer alguma coisa...e quer queiras quer não, divaga livremente, desde que o faças com prazer.
Se eu quisesse identificar-me, não teria um pseudónimo. Parece-me óbvio... Mas quem se esconde atrás do anonimato, pelos vistos, és tu.
Minha querida, tu não sabes o significado de atacar...ou nunca me viste atacar ninguém Image Como sempre?...


Folgo em saber e desejo que assim te mantenhas. Be happy!

De Abby Russell a 03.07.2014 às 22:50

Era porque, no que me diz respeito, só vives de lembranças e imaginação... Só e para sempre...

Eu é que poderia querer alguma coisa? Sabes perfeitamente tudo o que fizeste em mil e um sítio até eu fazer o comentário... Sabes perfeitamente...

Como é que alguém mantém o anonimato num blog que guarda os ips? Não publica, olha o upgrade!

Estou muito. Imenso. Nunca entenderias o que a banda que vou ver dia 12 significa para mim e a felicidade que sinto nos dias que antecedem, no próprio dia e nos dias seguintes...
É a maior felicidade deste mundo... Logo, vou mesmo parar de comentar porque quero aproveitar esta felicidade que não dura sempre.
E isto sim, é o único lado positivo do Verão...

E eu sou feliz... Acredites ou não... Cada um é feliz à sua maneira, tu à tua e eu à minha... Se eu visse a felicidade noutro lado ou com outro tipo de vida, ia atrás dela... Não sou uma cobarde que fica a imaginar como seria...

De Tomates e Grelos a 03.07.2014 às 23:15

O blog vive de recordações sim, por norma nada que posto é actual. O dono é outra história...

WTF?...adorava ver a tua expressão quando percebesses que me estás a confundir com alguém que, aparentemente, não te fez bem nenhum. Em nome dos Homens, peço desculpa.

AQUI fica o resultado da pesquisa do teu IP, era isso a que te referias certo? E isto é suposto dizer-me quem és? Vou fazer um-dó-li-tá entre Porto, Lisboa e Valongo. LOL

Nem tenho forma de entender...não sei a que concerto te referes...

Eu acredito piamente que sejas, se és tu própria que o dizes. E folgo que assim seja ! Eu acho que se visse a felicidade noutro lado, também iria atrás...nunca me debati com essa questão para poder afirmar com certeza.

Beijo e bom concerto.

De Abby Russell a 01.07.2014 às 23:15

Antes de mais, este post é claramente a versão para mulheres do "dicas para ele", até a introdução é exactamente igual à do outro. E são dicas para o pessoal ir mais além e brilhar, certo?


Tendo isso em conta, o 1º item não faz sentido. Aconselhas as gajas a pedirem ao gajo que apague a luz enquanto as lambe ou estás a aconselhar a gaja a facilitar a vida do gajo, permitindo que se apaguem as luzes de modo a que ele imagine que não é ela que está ali? Se for o segundo caso, é mesmo ela que lhe pede que apague as luzes? Isso é que é uma gaja fixe e liberal :D E, seja uma dica para ele ou para ela, é o oposto do que dizes no post "dicas para ele". Parece-me algo esquizofrénico ter a luz acesa durante a mamada e depois apagá-la na hora do minete. E no 69, como é que se resolve essa questão das diferentes luzes? Não seria melhor quem quiser fechar os olhos? Ficam os dois satisfeitos e evita-se o acende luz. apaga luz. Se eu fosse má língua, diria que estás a dar dicas opostas a gajos e gajas que é para eles se desentenderem e elas procurarem consolo nos teus braços :D


Segundo item. Nunca ouvi tal coisa e também não me parece que isso faça grande sentido quando a ideia é brilhar. Brilhar não é dar a sensação, é ir mesmo até ao fundo e engasgar faz parte. E a língua não fica parada no céu da boca? Não é suposto a língua ser usada durante a mamada? Se a ideia é apenas dar a sensação, a gaja não brilha mais se, em vez disso, o chupar ligeiramente na diagonal, de forma a que ele bata realmente no fundo, no das bochechas? Dá na mesma a sensação (digo eu, que não sinto), não se engasgam e a língua fica livre. Faz-me confusão uma mamada na qual a gaja brilha e a língua está presa. Podes dizer que a ideia não é usar esse truque o tempo todo mas, ainda assim, não é mais fácil fazer a cena ligeiramente na diagonal? E a dica é para elas darem a sensação ou é para elas tentarem enganar o homem, para o rapaz achar que foi até ao fundo da garganta?


Terceiro item. Não tenho nada a acrescentar nem contra... Parece-me bem, desde que a gaja tenha as chaves de casa dele. É capaz de não resultar bem se a cena começar logo assim à porta de casa, a menos que seja um prédio como o meu, no qual as pessoas só vão ao rés-do-chão quando a loja do 1º andar está aberta.


Quarto item. Isso é básico, todas as gajas sabem isso. É uma dica de escola primária.


Quinto item. Não tenho um, logo não sinto, só os gajos saberão. Mas, da experiência que tenho, é verdade.


Sexto item. Eu bem digo, andas a tentar dividir para reinar :D Escreveste este item no mesmo dia no qual falaste da mamada obrigatória e disseste que ninguém se importa. Então? A gaja não querendo, impera a mamada obrigatória ou o entusiasmo? Não te falta acrescentar "no caso das mamadas obrigatórias, finjam, assim como a cena da língua presa no céu da boca"?


Sétimo item. Não sou homem, logo acredito no que me dizem. No fundo, convém prestar atenção a todas as partes.


Oitavo item. Mas que bem. Tanto nas dicas para ele como nas dicas para ela, o que importa é a tua posição preferida? Passas o post todo a falar do que agrada a homens e mulheres no geral e chegas a este item e o que impera é o teu gosto pessoal? Estás a querer convencer o mundo que a tua posição preferida é a tal ou tens mesmo uma queda tão grande para esse posição que não consegues falar de 69 sem a referires? É o único item no qual falas especificamente de ti, ainda que seja óbvio que gostarás de todos.


Nono item. Uma verdade universal só não me agrada nada vê-la nas dicas para elas e não a ver nas dicas para eles.


Décimo item. Como gaja que também gosta de gajas, concordo!


PS- No primeiro post do dia, "São verdades sobre mamadas. E nem vale a pena chamar-lhes broches!" e, horas mais tarde "as melhores dicas sobre sexo oral (viram como fui gentil?)"
Logo no post com dicas para elas brilharem é que resolves ser gentil? Não deveria esse ser o post por excelência para dizeres "e nem vale a p

De Tomates e Grelos a 03.07.2014 às 11:32

Antes de mais, essa era a intenção. Querias que tivesse feito a referência ao post original?... Certo! São coisas que experimentei e obtive reacções bastante positivas. Repara que isso não quer dizer que brilhes. Cada mulher é uma mulher e tens de te saber adaptar. Se apanhar uma mais inexperiente, funcionam umas coisas, numa experiente funcionam outras. O segredo é saber o que fazer em cada caso mas, não me peçam para dizer tudo


Não percebo a raiz da tua dúvida. Vamos por partes. Os gajos gostam de ver as gajas a chupar! Para o gajo, nada como ver a gaja a "trabalhar" o instrumento. No caso das gajas, pelo menos aquelas mais nervosinhas, apagar a luz ajuda a relaxar e relaxar, no caso das gajas, ajuda a desfrutar e excitar mais facilmente. Além disso, não saber onde será o próximo toque (lamber gajas não tipo gato a lamber leite até ela se vir) exponencia o prazer. O 69 não é para aqui chamado mas, não tenho preferência de luz. Fechar os olhos não resulta...abri-los é demasiado fácil. Além disso, isto não são regras, são conselhos. Quanto à tua teoria, apraz-me a tua forma de pensar !


Não negue à partida uma ciência que desconhece!! Há quem não goste de engasgar. Há quem não consiga. Não posso dar dicas apenas ao segmento mais afoito do meu público! (afirmação mais arrogante que já proferi...assumir que tenho público) Se queres ser tecnicista, o importante é a glande. A glande é que dá o orgasmo. A glande é que estimula o cérebro, ao ponto de ele mandar as bolas expelir o néctar que lá se encontra armazenado. Acho que isso responde à questão da língua. E sim, a ideia é enganar o cérebro do gajo . Se insistires muito, poderei ter de aprofundar a questão!!!


O perigo é um enorme afrodisíaco...pode até começar no elevador.


O problema é que muitas faltaram a essas aulas e não devem ter tido práticas! É verdade...não há aulas práticas no ensino básico...


Obrigado por corroborares. Terás prestado um grande serviço a quem por aqui passa


Fácil! A gaja não querendo, impera a mamada obrigatória. Não confundas tipos de mamada com conselhos. A mamada obrigatória não é tão boa como a mamada entusiasta mas, ajuda sempre a relaxar. Capice?


Claro...daí chamar a atenção para uma normalmente negligenciada. Sou um verdadeiro justiceiro


Uma menina inteligente como tu, perceberá com certeza que além de uma dica, é também uma confissão, sem prejuízo bilateral. Começa com uma dica muito simples. Termina com uma opinião. Felizmente, não padeço do mal de convencer o mundo. As minhas convicções são te tal maneira fortes que, apenas fortes argumentos me fazem mudar Tu querias era mais opiniões pessoais...


É verdade! (viste um argumento forte ) Ainda assim, em minha defesa, argumento que nós aguentamo-nos fresquinhos para essa prática, mais tempo que vocês. Devia era ter incluído isso nas vantagens de ser gajo.


Praticante?


P.S. - O teu post scriptum ficou cortado mas, eu gosto de surpreender e deixar-vos o cérebro à nora. É assim que vos "engano" Image

De Abby Russell a 03.07.2014 às 15:10

Não, não queria que tivesses feito referência ao post original, isso seria tomares as tuas leitoras por burras e incapazes de perceber algo básico, do tipo as bolas estarem lá por algum motivo... Estava a estabelecer uma base para a minha análise, uma vez que comparei o que dizes num com o que dizes no outro... Se fossem posts completamente independentes isso não faria sentido... Tenta entender que os meus comentários originais (e os de resposta também mas não tanto porque sigo a linha do comentário ao qual respondo) são longos porque eu não atiro merdas para o ar, eu gosto de escrever coisas com princípio, meio e fim, introdução, desenvolvimento, conclusão...

Apagar a luz ajuda as gajas a relaxar durante o sexo oral? Não entendo isso... Qual é o stress que uma gaja pode ter numa situação dessas?
O 69 não é para aqui chamado? Então mas foste tu que o chamaste no item 8!!! Isto não pode ser assim!!! Quando te dá jeito é chamado e quando não dá já não é? Fraquinho, Tomatinhos, fraquinho!
Fechar os olhos não resulta porque abri-los é muito fácil? Então venda-se os olhos ao stressadinho da história e ambas as partes ficam satisfeitas! Eu mantenho a minha ideia de que se deve sempre optar por algo que deixe os dois satisfeitos... Para além do mais, não acredito que um gajo às escuras faça a coisa tão bem feita como quando está a ver...

É impressão minha ou, de forma indirecta, chamaste-me de "afoita"? :D
Há quem não se consiga engasgar? Desculpa mas não acredito nisso... Toda a gente consegue, podem é gostar ou não e estão no seu direito de não querer fazer algo do qual não gostam... Como é óbvio, o engasgar em si mesmo é uma sensação que causa algum desconforto, por vezes até vêm as lágrimas aos olhos (não de dor, é uma reacção para a qual não tenho explicação mas acontece), a diferença é que há quem ache um desconforto agradável e há quem o ache insuportável...
E lá estás tu, mais uma vez, a contradizer-te... Então agora o que importa é apenas a glande? A língua só importa na glande? Então para que andaste tu a escrever os itens 4,5 e 7? Tu mudas o discurso consoante te dá jeito :D

Adorava que aprofundasses o assunto porque, tendo em conta aquela parte (no post com dicas para eles) em que dizes que as ancas não mentem, fiquei com a sensação que tu és daqueles que acha que a ti ninguém te engana :D Nem mesmo uma gaja capaz de prestar atenção aos mais ínfimos pormenores, logo capaz de os fingir a todos... :)

Nessa do perigo, estamos totalmente de acordo... Infelizmente, o meu prédio não tem elevador mas é algo do qual muito gosto... E tenho um fetish com lugares públicos, tenho mesmo mas, uma vez que referiste a hora do regresso do trabalho, eu fiz o filme de ser de dia e haver movimento e ser complicado... Sabes que eu, contrariamente a ti, dificilmente penso no geral, penso sempre no pessoal e podia explicar-te a logística de foder no meu prédio mas não o farei mas é impossível durante o dia e facílimo durante a noite e Domingos...
Não é uma questão de perigo, é uma questão de se ser apanhado mesmo :D

Mas, sendo obrigatória, o gajo prefere que ela finja entusiasmo ou gosta da verdade nua e crua do "Tanta coisa fixe para fazer e estou para aqui engasgada"?

Como te disse, eu estou quase sempre nas minorias, logo não nasci para falar no geral, seja pelas mulheres ou pela humanidade... Eu falo quase sempre no pessoal...
Ainda assim, se em tantos itens, é o único no qual abordas o pessoal, salta à vista... Pormenores, sabes?

Vocês aguentam-se mais fresquinhos? Loool :D Não acho nada... Mas não vou discutir esses assuntos pouco fascinantes da falta de higiene... Todos fresquinhos e não se fala mais nisso!

Praticante de quê? Do meu gosto por gajas ou de ter tudo aparadinho?

PS- Ahah, sou muito melhor eu nisso do que tu :D
Tu tens um post cujo título é "Pormenores" que me fez rir tanto... À minha beira, és um bebé de colo no que toca a pormenores (e não estou a falar de sexo) :D 

De Tomates e Grelos a 03.07.2014 às 17:36

Mas sabes que há pessoas inteligentes a quem lhes escapa o óbvio. Os génios criativos são, na maioria dos casos, pessoas pouco perspicazes, desorganizadas e trapalhonas. Não estou a desdenhar os teus longos comentários, mas podes dizer tanto numa frase como num parágrafo inteiro...


Tu própria já disseste que és uma minoria. Pois bem, há mulheres que não relaxam facilmente, que não sabem o que é ser lambida, o que é ter um orgasmo apenas com uma língua. O 69 não é chamado na questão da luz...não ficou claro? Não percebeste ou não quiseste perceber? Minete, sem luz, mamada com luz e 69 à vontade do freguês. Ficou claro agora? Ahhh...agora sim deste uma boa alternativa...mas sobre essa já me debrucei. Image Faço eu...


Parece que sim Image. Lê as coisas na ordem que estão escritas: "Há quem não goste de engasgar. Há quem não consiga.". Também há quem goste de umas palmadas...unas com mais outros com menos dor. Não podemos generalizar.
Eu não disse "apenas". Não tentes encontrar buracos...ou estás à espera que os preencha? E sim, a glande é o mais importante. O que deves depreender das minhas palavras é que, se fores preguiçosa para as mamadas e quiseres garantir um prazer de nível aceitável, concentra-te na glande. Claro que tudo o resto faz com eleves o nível. Nunca pensei ter de ser tão explícito...mas coloca as tuas dúvidas todas!


Parte do seguinte princípio: porquê mentir? Qual o propósito de fingir prazer? Eu não o entendo... Porque é que alguém haveria de se dar ao trabalho de fingir todos os pormenores que indicam que está a ter prazer? A menos que seja isso que lhe dá prazer... Todos podemos ser enganados mas nem te referes a todos, nem a nada mais que sexo.


Eu particularizo e só depois generalizo. Vou do pessoal ao geral, extrapolando também com a ajuda do conhecimento adquirido em conversas. Quando dizes prédio, referes-te às zonas comuns, certo? É por isso que gosto tanto do Verão.


Eu prefiro que finja o entusiasmo...se é mamada obrigatória, que engane o cérebro.


Sei...e espero que continues a acreditar que foi inocente...


Eu mantenho a minha opinião...é uma questão anatómica.


Ambas.


P.S. - Em deixar o cérebro à nora? Ainda não vi nada...mas com certeza farás jus às tuas palavras.
Porquê? Por não ser exaustivo? Se achas que aquilo que vês é única e exclusivamente o que existe, subestimas os outros. Não cais nesse erro. É que eu vejo-te a falar muito mas a fazer pouco Image

Comentar post



Mais sobre mim



Homem que gosta da vida, de prazer, de sexo, de conversar, de partilhar.


Se deseja entrar em contacto com o autor, pode fazê-lo através do endereço: tomatesegrelos@sapo.pt.


ver perfil

seguir perfil


Copyright

© Tomates e Grelos and tomatesegrelos.blogs.sapo.pt, 2012 to 2014. Unauthorized use and/or duplication of this material without express and written permission from this blog’s author and/or owner is strictly prohibited. Excerpts and links may be used, provided that full and clear credit is given to Tomates e Grelos and tomatesegrelos.blogs.sapo.pt with appropriate and specific direction to the original content.

calendário

Junho 2014

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930

Tomates & Grelos Online